Início Esportes Da Série A2 à Copa do Brasil: conheça um pouco da história do ‘caçula’ Afogados

Da Série A2 à Copa do Brasil: conheça um pouco da história do ‘caçula’ Afogados

Comentários desativados em Da Série A2 à Copa do Brasil: conheça um pouco da história do ‘caçula’ Afogados

Globo Esporte

Uma história de pouco mais de cinco anos não significa muita coisa no mundo do futebol. Mas, para o Afogados, é o suficiente para começar a surpreender e o ano 2019 vai ficar marcado. Além da semifinal inédita conquistada após eliminar o Santa Cruz, o clube conseguiu uma vaga na Série D de 2020 e garantiu algo mais inesperado ainda, um lugar na Copa do Brasil.

O Afogados da Ingazeira Futebol Clube foi fundado em 18 de dezembro de 2013. Já em 2014, a equipe chegou nas quartas de finais da Série A2, onde foi eliminada pelo Belo Jardim. No ano seguinte, a Coruja avançou mais um pouco, mas caiu para o Vitória-PE.

O acesso para a elite estadual veio em 2016, quando o Afogados chegou até a final, mas perdeu a decisão para o Flamengo de Arcoverde. No primeiro ano na Série A1, em 2017, o Tricolor fez uma campanha simples, mas suficiente para garantir a permanência, principal objetivo no campeonato.

Em 2018 e mais uma vez comandado pelo técnico Pedro Manta, o Afogados deu um passo maior e chegou até as quartas de final. A eliminação aconteceu diante do Náutico. O ano de 2019 veio com todas essas conquistas já citadas, e a expectativa da direção em aumentar os investimentos no elenco para a temporada 2020, que ganhou um calendário maior.

Os investimentos foram modestos, a folha do clube é de apenas R$ 70 mil reais e Afogados da Ingazeira é a menor cidade representada na primeira divisão estadual, com pouco mais de 36 mil habitantes.

Boa parte dessas conquistas foram comandadas pelo técnico Pedro Manta, que está no clube há cinco temporadas e é considerado um ídolo da torcida da Coruja.

carregar mais artigos relacionados
comentários fechados