Início Esportes França supera Bélgica e é a primeira finalista da Copa da Rússia

França supera Bélgica e é a primeira finalista da Copa da Rússia

Comentários desativados em França supera Bélgica e é a primeira finalista da Copa da Rússia

JC Online

A França voltou a se classificar para uma final de Copa do Mundo depois de 12 anos. Com um único gol do zagueiro Umtiti no segundo tempo, a equipe de Didier Dechamps azedou o sonho da Bélgica de conquistar o primeiro título de sua história, na Rússia. Os Azuis vão lutar pelo bicampeonato no próximo domingo (15), no estádio Olímpico Lujniki, contra o vencedor do duelo entre Croácia e Inglaterra. A outra semifinal acontece a partir das 15h desta quarta-feira (11), no mesmo palco onde será a decisão do torneio.

Já a Bélgica vai disputar o terceiro lugar na véspera, às 11h, em São Patersburgo, contra o perdedor da outra semifinal.

A partida começou com a França mais recuada e a Bélgica aproveitando o campo para tocar a bola e trabalhar as jogadas. Enquanto os belgas saíam mais para o jogo, os franceses apostaram na velocidade dos seus contra-ataques. As duas seleções tiveram muitas oportunidades, falhando nas finalizações. Até os 30 minutos, os belgas foram levemente superiores, sobretudo pelas jogadas armadas por De Bruyne e os ataques de Hazard.

Já aos cinco minutos de jogo, o camisa 10 dos Diabos Vermelhos avançou pela linha de fundo e tocou para Lukaku, mas Umtiti fez o corte. A resposta da França só veio aos 12. Pogba roubou a bola no meio-campo e fez enfiada para Mbappé, que arrancou em velocidade e invadiu a área. Courtois saiu para salvar a Bélgica

Hazard voltou a importunar a área adversária cinco minutos depois. Ele recebeu na áera após boa jogada de De Bruyne e chutou cruzado. A bola passou ao lado da trave de Lloris. A França respondeu com Matuidi. Depois de receber dentro da área, ele soltou a bomba e Courtois voltou a trabalhar bem.

A Bélgica pressionou novamente aos 18 e aos 21. Primeiro com Hazard, que teve o chute cruzado afastado por Varane, de cabeça. Depois com De Bruyne, que ficou com a sobra após cobrança de escanteio e encheu o pé, mas Lloris, salvou a França.

As duas equipes voltaram em clima aparentemente mais brando. Mas foi a França quem se deu melhor. Após cobrança de escanteio aos seis minutos, Umtiti conseguiu subir mais que Fellaini e inaugurou o marcador em São Patersburgo. Os belgas, por sua vez, perderam seu grande articulador no primeiro tempo com a alteração feita por Roberto Martínez. Ao tirar Dembélé e colocar Mertens, De Bruyne passou a atuar mais recuado.

Os campeões mundiais de 1998, então, postaram-se lá atrás para segurar o resultado. Nas poucas vezes em que a França puxava um contra-ataque, os belgas matavam a jogada com faltas. Os Diabos Vermelhos pressionaram bastante, mas não conseguiram o empate. Nos acréscimos, a França quase ampliou em rápido contra-ataque com Griezmann, mas Courtois fez grande defesa. O goleirão belga voltou a mostrar qualidade na última finalização da partida, afastando o perigoso chute de Tolisso.

carregar mais artigos relacionados
comentários fechados