Início Esportes Equipes colocam seus trunfos em campo pelas quartas do Pernambucano

Equipes colocam seus trunfos em campo pelas quartas do Pernambucano

Comentários desativados em Equipes colocam seus trunfos em campo pelas quartas do Pernambucano

JC Online

Ao fim da primeira fase do Campeonato Pernambucano, alguns nomes e equipes surgem como candidatos a protagonistas da competição, seja pelo bom desempenho ou pela má campanha que tem feito. Um dos exemplos de destaque do Estadual tem sido Caxito, atacante do América e artilheiro com sete gols. Além dele outro nome de fora do Trio de Ferro aparece bem, como o atacante do Vitória Thomas Anderson, autor de seis tentos.

Apesar do artilheiro da competição atuar pelo Mequinha, quem pode se orgulhar em ter o melhor ataque é o Náutico. Com 17 gols, os alvirrubros estão isolados na liderança deste quesito, tendo em Wallace Pernambucano sua principal arma na frente e responsável por quatro tentos em apenas cinco aparições.

Na defesa, os destaques ficam para o vice-líder Central e o terceiro colocado Sport. As duas equipes sofreram apenas seis gols no torneio, muito pela participação dos goleiros Murilo, da Patativa, e Magrão, da equipe rubro-negra. O arqueiro alvinegro, inclusive, esteve em campo em todos os jogos e defendeu um pênalti na vitória do time caruaruense por 2×0 diante do Belo Jardim, na sétima rodada. Já Magrão, ídolo leonino, só não entrou em campo no triunfo diante do América, pela sétima rodada, quando deu lugar ao reserva Agenor.

O Central merece atenção também pelo bom rendimento como visitante, o melhor do Estadual. O grupo comandado pelo técnico Mauro Fernandes venceu em duas partidas, ante América e Pesqueira, e somou oito pontos longe dos seus domínios. Já como mandante, ninguém superou o Náutico, dono do melhor retrospecto em casa, com cinco triunfos e 100% de aproveitamento, o Timbu não venceu fora, mas fez valer o mando de campo e conquistou a liderança com 19 pontos.

Mas, quando o assunto é empate, o Santa Cruz é quem mais entende. Das 10 apresentações tricolores no Estadual, sete acabaram com igualdade no placar. Com esse desempenho, a Cobra Coral terminou conquistando apenas dois resultados positivos, um diante do Afogados, no Vianão, e o outro no Arruda, contra o Belo Jardim.

Mas, um ponto negativo da primeira fase do Pernambucano foi a baixa frequência de público em cada rodada. Com uma média de 1.709 torcedores por partida, o jogo com mais pessoas ocorreu na última rodada, entre Sport e Santa Cruz, quando 13.218 pessoas marcaram presença na Ilha do Retiro.

Confrontos
As quartas de final começam na próxima quarta-feira com Salgueiro x Vitória, no Cornélio de Barros, às 20h, Central x América, no Lacerdão no mesmo horário, e Sport x Santa Cruz, na Ilha do Retiro, às 21h45. Náutico e Afogados se enfrentam apenas no domingo, dia 18, na Arena de Pernambuco, às 16h. Quem avançar no Clássico das Multidões vai encarar o vencedor do confronto no Luiz Lacerda, enquanto o ganhador da partida no sertão bate de frente com quem se der melhor na Arena.

carregar mais artigos relacionados
comentários fechados